GARANTIA É ALGO QUE TE SOLICITAM A TODO INSTANTE?

Tem recebido muitas solicitações de garantia? Produtos que retornam constantemente por problemas diversos? Saiba que isso é algo comum em muitas organizações, porém precisam ser identificadas as causas.

Algumas questões podem te ajudar em refletir sobre o significado dessas garantias frequentes; Como anda o clima organizacional em sua empresa? O pessoal está motivado ou sempre reclamando de algo? As equipes detêm conhecimento profundo de suas funções e responsabilidades? Existem métricas para execução das tarefas? E as lideranças, são democráticas, liberais ou autocráticas?

Continue lendo…


Se a maioria das respostas para essas questões demonstram situações adversas, conflitos e falta de capacitação e conhecimento, saiba que refletem diretamente nos resultados produtivas e consequentemente no retorno de seus produtos.

Parece algo batido o que vamos discutir agora, mas é de extrema importância que as equipes compreendam, seus papéis e representatividade perante a organização. Sem essa noção, as pessoas não se sensibilizam, não se sentem responsáveis pelas entregas e acabam negligenciado o resultado final, algo que muitas vezes nem é somente culpa do colaborador ou da gestão, mas do processo em si.

Os resultados esperados são claros? As expectativas e objetivos, bem como requisitos são continuamente atualizados? As equipes possuem ferramentas e check list’s que facilitem o dia-a-dia? Se mais uma vez as respostas forem negativas, talvez seja o momento de repensar seus processos.

As garantias além de serem um retrabalho, prejudicam a imagem da empresa frente aos seus clientes, uma vez que os mesmos não irão sentir confiança na entrega recebida, e sabemos que o cliente valoriza não somente prazo e preço, mas a qualidade é fundamental para que haja uma relação de trabalho saudável.

Diante dessas situações, não se desespere! Te daremos dicas de como superar o excesso de garantias e trazer seu negócio de volta aos trilhos 😉

Invista em melhoria contínua e programas de kaizens (melhorias em japonês), reúna sua equipe e eleja um líder para conversar com as pessoas, fazer entrevistas, entender como elas se sentem em relação ao trabalho, aos processos, quais são as dificuldades e dores. As principais mudanças em processos precisam trabalhar antes de tudo o envolvimento do capital humano, a valorização e acompanhamento das rotinas.

Se o clima organizacional for ruim todo o resto tende a desandar como um efeito cascata, e já é sabido que somente bom salário não segura profissional, as pessoas querem ser reconhecidas, almejam por desafios e mudanças.

Após o diagnóstico, faça reuniões de conciliação com áreas que possuem conflitos, procure compreender as dificuldades e redesenhar o processo de modo que todos enxerguem o todo e não somente a área específica em que atuam.

Redesenhe o processo e apresente para todos, explique as mudanças e os objetivos, coloque metas para redução de garantias, mesmo que gradativas, as melhorias têm de ser executadas passo a passo, é como um indicador de acidentes de trabalho, estamos há x dias sem acidentes, estamos há x dias sem retorno por garantia. Ofereça alguma bonificação ou benefício em função das metas alcançadas para a equipe, não necessariamente algo oneroso para empresa, mas quem sabe um bolo, comemoração ou refeição especial.

Não tenha dúvidas que pequenas ações farão muita diferença em seus processos, além de diminuir as garantias sua equipe estará muito mais motivada e empenhada em ser melhor a cada dia. E como tudo é movido a mudanças, lembre-se sempre de refazer essas ações constantemente, para que não caiam no esquecimento, o mínimo recomendado é uma vez ao ano.

Acesse nossos conteúdos e saiba mais sobre como melhorar seus processos e elevar o nível de sua empresa!

 

Até a próxima,

Abraços,

Paulo Zappa
Diretor Comercial – OEM & Aftermarket
MA2Ó – Qualidade em componentes automotivos.

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart