POR QUE DEVO FOCAR EM VENDER PEÇAS DE QUALIDADE?

Qualidade é algo questionável nos dias atuais, a indústria em geral na busca constante de alavancagem de vendas em sua grande maioria investe na produção de itens pouco duráveis com o objetivo de trazer o consumidor de volta a compra em um ciclo sem fim de obsolescência programada.

É triste verdade do mercado, mas muita sucata eletrônica, por exemplo, poderia ser evitada se não fosse o desejo incansável do lucro e é algo que já não é de hoje. O primeiro exemplo de obsolescência programada foi a lâmpada, e quem se recorda do fatídico dia em que a Dupont pediu aos seus inventores e engenheiros que produzem meias calças femininas menos resistentes para que fosse possível vender mais meias?

Continue lendo…


Pois bem, os anos passam e algumas técnicas de mercado não mudam, pelo contrário tornam-se cada vez mais nocivas. Nenhum empreendedor é hipócrita o bastante de negar que seu propósito seja outro que não obter lucro, mas vale a pena a todo custo?

A resposta é: depende! Isso mesmo, depende dos valores, da imagem que se deseja transmitir, do foco, visão e princípios. Uma coisa é certa, produto de qualidade sempre salta aos olhos do consumidor, e não é fácil assegurar a qualidade com pouco investimento, é necessário pesquisa, mudanças, melhorias, empenho, análise e dedicação.

O investimento em treinamento para a equipe também é fundamental, pois uma equipe que se sente parte do todo trabalha com o senso de dono e compreende os impactos de cada atividade no resultado geral da organização, e esse tipo de entrega qualquer cliente percebe. Organizações que atuam de forma padronizada conseguem entregar mais valor aos seus clientes, conquistando mais facilmente a desafiadora.

Existem organizações que queimam o mercado, fornecendo preços lá embaixo e qualidade péssima, não há como sobreviver para sempre trabalhando assim, as garantias e reclamações devoram o lucro muito rapidamente. A filosofia de “fazer certo da primeira vez” vale para a busca de uma entrega com qualidade, pois esse diferencial dita mercado além de ser um divisor de águas no segmento.

Boas práticas de fabricação e algumas ferramentas de qualidade que podem ser implantadas de forma caseira que poderão te ajudar nessa jornada, como: Pareto, PDCA, 5 porquês, Ishikawa, fluxograma e etc. Invista em treinamentos de ferramentas da qualidade e no conhecimento do processo junto de sua equipe e veja os resultados de qualidade crescerem exponencialmente em sua organização e de forma diretamente proporcional, o número de clientes 😉

 

Até a próxima,

Abraços,

Paulo Zappa
Diretor Comercial – OEM & Aftermarket
MA2Ó – Qualidade em componentes automotivos.

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart